Cuidados Venda

10 cuidados para vender carro na internet e não cair em golpe

Hoje em dia, a internet é uma facilitadora na hora de comprar e vender produtos. Porém, ela também pode ser uma grande fonte de golpistas. Esses podem ganhar dinheiro com informações falsas e com crimes que vão além do mundo virtual.

Se você está pensando em vender seu carro na internet, é importante se cercar do máximo de segurança possível. O número de golpes ligados à venda de carros pela internet vem crescendo a cada ano. Por isso, é essencial ficar atento e tomar alguns cuidados na negociação.

São comuns os golpes em que potenciais compradores de carros pedem para ver o veículo pessoalmente e em seguida assaltam o proprietário. Ou, em outros casos, quando criminosos dão uma pequena entrada e fogem com o carro, sem pagar o restante.

Nesse post, você verá dicas de segurança para vender seu carro online e fugir de alguns golpes. Acompanhe!

1. Marque o encontro em um local público

É normal que alguém que esteja interessado em comprar seu carro peça para vê-lo pessoalmente. Porém, nesse momento é preciso ficar atento e marcar o encontro em um local público. O estacionamento de um parque ou de um shopping são boas alternativas.

Não são raros os casos em que a pessoa interessada vai até a casa do proprietário para cometer um assalto. Por isso, é importante nunca dar o endereço da sua casa e tampouco marcar o encontro lá.

2. Entregue o veículo após o pagamento integral

É fato que o mundo ainda está cheio de boas intenções. Porém, existem pessoas dispostas a dar os mais variados golpes quando o assunto é vender ou comprar algo pela internet.

No caso da venda de carro, tome cuidado para entregar o veículo apenas quando todo o valor for transferido para sua conta. Certifique-se de que o depósito foi realmente feito e, só então, libere o carro para que o comprador possa buscar.

3. Não parcele por conta própria

Não faça contratos de gaveta nem parcele o carro por conta própria caso o comprador lhe peça. É muito comum que golpistas deem a entrada do carro alegando que pagarão o restante no próximo mês ou até pedindo para pagar em 3 ou 4 meses e fugirem com o carro.

Se o comprador tiver interesse em parcelar a compra, oriente-o a procurar um empréstimo no banco. Desta maneira, a instituição lhe oferecerá o dinheiro e a dívida fica por conta do próprio comprador, sem que você seja envolvido nisso.

Deixe para dar um voto de confiança apenas para pessoas do seu convívio.

4. Faça uma checagem junto ao comprador

Antes de fechar a compra, escolha um mecânico e combine com o comprador uma checagem geral no veículo. Assim, você e ele ficam de acordo sobre o estado do carro. Além disso, você se protege de possíveis cobranças do comprador caso ocorra qualquer problema com o carro.

5. Fique de olho na transferência

Depois da compra, é importante que o comprador faça a transferência do veículo em até 30 dias, contando a partir da data de preenchimento do Certificado de Registro (CRV). Caso ele não cumpra esse prazo, é aplicada uma multa grave de R$195,23 e cinco pontos na carteira.

É importante que a transferência seja realizada no prazo para evitar que multas e outras cobranças ainda cheguem na casa do antigo proprietário.

6. Preencha o CRV

Muitas pessoas que vendem seus carros ainda não preenchem o Cadastro de Registro corretamente ou o entregam em branco para que o comprador preencha. Para evitar surpresas, faça o registro você mesmo.

Neste cadastro é preciso apenas colocar os dados do comprador e reconhecer firma, garantindo a identidade do documento e evitando assinaturas falsificadas feitas por golpistas.

7. Tire cópias

Tire cópias do CRV e de todos os documentos usados para a venda do carro e guarde-os com você. Dessa maneira, você evita muitos problemas – como o aparecimento de multas, caso o comprador não tenha transferido o veículo para o nome dele.

8. Leve os documentos ao DETRAN

Depois de concluído o processo de venda do veículo, leve uma cópia autenticada do CRV ao DETRAN para comunicar que o carro já não pertence mais a você. Assim, você se resguarda, mais uma vez, de possíveis golpes ou do surgimento de multas que não são suas.

9. Escolha uma empresa especializada em venda de veículos

Hoje, existem diversas empresas especializadas em vender carro na internet. Quando existe alguém experiente fazendo o negócio a chance de cair em algum golpe é mínima e você pode deixar seus carros nas mãos de pessoas de confiança.

Pesquise em sites e veja as opiniões e depoimentos de quem já fez negócio com a empresa e avalie se vale a pena. Às vezes, é melhor gastar um pouco mais e ficar tranquilo do que tentar vender por conta própria e sair no prejuízo.

banner pensando em vender carro

10. Não dê motivos para reclamações futuras

Muitas pessoas de má fé se aproveitam de alguma falha na descrição do veículo ou de algum detalhe para reclamar após a compra. Por isso, é muito importante sempre deixar tudo claro ao anunciar seu automóvel.

Tire boas fotos, faça uma revisão completa e dê todos os detalhes na descrição do veículo. Assim, você evita que surpresas e reclamações posteriores à venda aconteçam, tendo a certeza de que você avisou sobre todos os possíveis problemas e detalhes que o veículo tem.

Como você pôde observar, seguindo as dicas de segurança e tendo cuidado na hora de anunciar e encontrar os interessados, fica mais fácil evitar golpe de venda de carros pela internet e ficar longe de surpresas desagradáveis.

A internet é um ambiente que propicia ótimos negócios. Contudo, é preciso ficar atento e seguir as regras de segurança para aproveitar o melhor do ambiente virtual sem ter prejuízo.

E então? Pronto para anunciar seu carro? Conheça um pouco mais sobre a Volanty e descubra um jeito mais seguro e transparente para vender carro pela internet!

Você pode gostar
Como saber o valor do carro no mercado?
fique atento à negociação de automóveis
Negociação de automóveis: 5 dicas para não ser enganado
3 Comentários
  • Carro para PCD: como vender? Tire suas dúvidas. | Volanty jun 11,2019 at 2019-06-11T15:26:26+00:000000002630201906

    […] Agora que você já sabe que pode vender seu carro para PCD, que tal conferir alguns cuidados para não cair em golpes ao anunciar o veículo na internet? […]

  • Gustavo Falcão nov 12,2018 at 2018-11-12T15:50:59+00:000000005930201811

    Olá, parabéns pela matéria.

    Pode sim ser muito útil para quem está procurando informações sobre como vender o seu veículo.

    Recomendo também o link: https://www.99contratos.com.br/contrato-compra-venda-veiculo.php

    Nele pode-se também encontrar diversas informações, como quais são as formas de pagamento, como fazer para garantir que as responsabilidades sejam cumpridas, e como proceder em caso de rescisão, entre outras.

    Um grande abraço.

    • Rafaela dez 19,2018 at 2018-12-19T17:47:36+00:000000003631201812

      Obrigada pela contribuição, Gustavo! 🙂

Deixe seu comentário

Seu Comentário*

Seu Nome*
Seu Site

Share This